Bons de mira!

Indo na contra-mão dos grandes virais do web, resolvemos focar de vez e falar um pouco de segmentação de mercado.

Mas o que a gente mostra hoje é uma segmentação de mercado MUITO, mas MUITO específica, em que o “público-alvo” não deve passar de algumas dezenas…

O nosso primeiro exemplo é uma ação criada pela Y&R Suíça para a Supreme Security, pensando na segmentação feita de acordo com a ocupação profissional do target:

A empresa estava em busca de mão-de-obra qualificada na área de segurança. Para divulgar estas vagas aos controladores de raio-x dos aeroportos, os funcionários da empresa foram até eles com placas metálicas dentro de suas malas. Com isso, os controladores acabavam descobrindo uma mensagem para eles dentro das bagagens: “Entediado? Informe-se sobre um trabalho conosco” ou“Descoberto! Você passou no 1º teste para o nosso trabalho”. Em apenas dois meses, 8 profissionais foram contratados.

 

Já o nosso outro exemplo foi segmentado de acordo com o estilo de vida do “público-alvo”. Uma ação criada pela Bugalow 25, na Espanha, para divulgar o canal Fox Crime:

Seguindo o estilo do canal, a agência espanhola criou uma ação um tanto perturbadora para seu target. Eles criaram uma estátua com forma humana (presa em uma base com as informações), amarraram e lançaram ao mar. A primeira impressão dos mergulhadores ao se depararem com tal objeto era de estar diante de uma cena de crime.

 

É claro que a reação dos mergulhadores foi gravada para gerar buzz na internet, mas a ação original tinha um “público-alvo” muito específico (mergulhadores) que pode ser usado como exemplo de segmentação “extrema”.


Compartilhe:

Vera Müller

Mestre em Gestão Empresarial com ênfase em Marketing pela UFRGS, denomina-se uma apaixonada pelo marketing e estratégias inovadoras. Cursou especialização na HEC Paris, MBA na ESPM em Porto Alegre, graduação em Administração de Empresa e Contabilidade na FACCAT é admiradora de marcas, estratégias e ideias inovadoras. Recentemente encontrou no esporte uma nova paixão, hoje é praticante de corridas e está sempre em busca de novos desafios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *