16
abr

Mentes confusas!

Os profissionais  desenvolvem estratégias  com objetivo  do alinhamento e clareza das ações dos colabores e mentores  focados no  comprometimento  do sucesso dos resultados almejados.

Quando comecei a escrever o parágrafo anterior, tinha a seguinte redação: As empresas desenvolvem….., então reli  a frase e refleti. Não são as empresas que desenvolvem as estratégias são as pessoas. Simples.

Porém dentro desta lógica quase infantil, pode estar o X da questão. A responsabilidade do desenvolvimento , compartilhamento e implementação das estratégias são das pessoas. Algumas empresas utilizam os serviços de consultores e outras as  desenvolvem internamente.

Algumas armadilhas das “estratégias mentes confusas”:

1-Estratégias complexas: Ninguém entende , mas todo mundo vive no mundo do “ faz de conta”, para não se incomodar e não ter trabalho, ou ser motivo de piada pelos colegas.

2-Mais uma estratégia:  Os profissionais desenvolvem estratégias sem começo meio e fim, mas acreditam que  agora a nova estratégia vai dar certo.Um desgaste interno e uma frustração de reuniões vazias sem embasamento e apenas para “ocupar o tempo”.

3-Muita estratégia para recursos limitados: Desenvolver uma estratégia sem verificar a contrapartida, ou seja, a viabilidade de implementação, é no mínino  frustrante. Quando menciono recurso, é sobre a perspectiva: financeira, tempo, humana, tecnológica.

4- Falta de indicadores: Toda a estratégia deve ter indicadores, os quais devem ser monitorados e mensurados, dentro de uma periodicidade adequada e factível. Como um controle de bordo, pois permitem verificar e analisar se está na rota correta ou deve-se alterar algum fator que garanta o sucesso do resultado.

5- Disseminar e comprometer a estratégia para as pessoas –chave: Verificar se as pessoas responsáveis pela implementação da estratégia entenderam a proposta e tem  habilidade ,competência, conhecimento e atitude para implementá-la.

6- Impulsividade da estratégica: Alguém leu ou ouviu no final de semana uma reportagem bacana e resolveu desenvolver a estratégia na empresa. Cuidado, a impulsividade pode ser perigosa gerando conflito com o que está sendo implementado. Síndrome da mente confusa.

 Os pontos citados acima, são apenas uma contribuição para amenizar as mentes confusas dentro da sua empresa, além do desperdício de tempo e dinheiro.

A simplicidade e clareza da estratégica, pode ser o fator chave de sucesso do resultado almejado. O momento é propício para revisarmos todas as estratégias desenvolvidas, pois ainda há tempo, com um ano pela frente.

 

por: Marketing Viewer
Tags:
Categoria: Business

Comente






Por favor, digite os caracteres desta imagem na caixa de entrada

51 9246.0751 | vm@veramuller.com.br
© MARKETING VIEWER 2017