03
maio

(Re) pense o marketing. Sobre a perspectiva do ser humano!

A economia e a sustentabilidade do planeta precisam estar conectadas, desafiando os modelos de negócio para a responsabilidade corporativa, como processo e cultura estratégica das empresas .Este desafio exige que se repense o marketing.

Parece um desafio utópico mas necessário, tanto para o planeta como para as empresas. A representatividade do faturamento de algumas empresas são maiores do que o PIB (Produto Interno Bruto)de alguns países. Então percebe-se a importância da responsabilidade destas empresas com o planeta. Como a Apple, que conforme as Nações Unidas, tem PIB maior que 104 países.

Os consumidores são os responsáveis pela geração de recursos financeiros para as empresas. Estes questionam em seu processo de compra, o que estas empresas oferecem ao planeta. Vai além das necessidades e o desejos de troca  por produtos e serviços, mas o que estas marcas defendem como propósito, que impactam positivamente na sustentabilidade e bem –estar do planeta.

Conforme Kotler; Kartajaya e Setiawan “Ao longo dos últimos 60 anos, o marketing deixou de ser centrado no produto (marketing 1.0) e passou a ser centrado no consumidor (marketing 2.0). Hoje, percebe-se o marketing transformando-se mais uma vez. Percebe-se as empresas expandindo seu foco dos produtos para os consumidores, e para as questões humanas. Marketing 3.0 é a fase na qual as empresas mudam da abordagem centrada no consumidor para a abordagem centrada no ser humano, e, na qual a lucratividade tem como  contrapeso a responsabilidade corporativa.

O consumidor pela perspectiva do ser humano. Talvez esta seja a principal reflexão. O consumidor é um ser humano. Este por sua vez, questiona o que as marcas oferecem, em termos de marketing social e sustentável.

Neste cenário, em que a gama de produtos é semelhante, onde a tecnologia transformou a forma de consumir, contribuindo com o acesso ilimitado às marcas nacionais e internacionais, percebe-se um novo fator importante na decisão de compra: propósito da marca e seus significados e sua contribuição para um mundo melhor.

Não estou mencionando propósitos faraônicos, mas propósitos sustentáveis, com ações que colaboram com a melhoria de vida. Como campanhas que incentivam a parar de fumar, se alimentar melhor, praticar exercícios, plantar árvores, reciclar, consumo consciente, educação, cultura…. Marcas criativas oferecem produto, serviços e defendem um propósito.

Indicação e referência: Kotler,Philip;Kartajara,Hermawan; Setiawan Iwan Marketing 3.0.

marketing 3.0

por: Marketing Viewer

Comente






Por favor, digite os caracteres desta imagem na caixa de entrada

51 9246.0751 | vm@veramuller.com.br
© MARKETING VIEWER 2017